Ciclo de Estudos em Gênero e Sexualidade

O PET Sociologia Jurídica tem o prazer de convidar todes ao Ciclo de Estudos em Gênero e Sexualidade. Os encontros contarão com a participação de Marina Ganzarolli* e João Terra**. O ciclo ocorrerá uma vez por mês, nos dias 12/03, 09/04, 07/05, 11/06 e 02/07, na Sala das e dos Estudantes. Contamos com a sua participação!


Programação:

I) 12 de Março | 19:30

Ciclo de Estudos em Gênero e Sexualidade

O PET Sociologia Jurídica tem o prazer de convidar todes ao Ciclo de Estudos em Gênero e Sexualidade. Os encontros contarão com a participação de Marina Ganzarolli* e João Terra**. O ciclo ocorrerá uma vez por mês, nos dias 12/03, 09/04, 07/05, 11/06 e 02/07, na Sala das e dos Estudantes. Contamos com a sua participação!


Programação:

I) 12 de Março | 19:30

Ciclo de Estudos em Gênero e Sexualidade

O PET Sociologia Jurídica tem o prazer de convidar todes ao Ciclo de Estudos em Gênero e Sexualidade. Os encontros contarão com a participação de Marina Ganzarolli* e João Terra**. O ciclo ocorrerá uma vez por mês, nos dias 12/03, 09/04, 07/05, 11/06 e 02/07, na Sala das e dos Estudantes. Contamos com a sua participação!


Programação:

I) 12 de Março | 19:30

Ciclo de Estudos em Gênero e Sexualidade

O PET Sociologia Jurídica tem o prazer de convidar todes ao Ciclo de Estudos em Gênero e Sexualidade. Os encontros contarão com a participação de Marina Ganzarolli* e João Terra**. O ciclo ocorrerá uma vez por mês, nos dias 12/03, 09/04, 07/05, 11/06 e 02/07, na Sala das e dos Estudantes. Contamos com a sua participação!


Programação:

I) 12 de Março | 19:30

Abertura da exposição “A homofobia é... 50 vozes contra a homofobia”

50 personalidades completam a frase: “A homofobia é…”. O resultado é a exposição “A homofobia é... 50 vozes contra a homofobia”, criada por Ana Ribeiro e fotografada por André Giorgi.
A abertura acontece na segunda-feira (30), no saguão da Prefeitura de São Paulo (Viaduto do Chá, 15 - Centro).

Evento no Facebook: http://www.facebook.com/events/645551598921910/

II Festival Autônomo Feminista

O Festival Autônomo Feminista teve sua primeira edição em março de 2014, no Tendal da Lapa, região oeste da grande São Paulo. O evento foi concebido e organizado pelo Coletivo 2ª Opinião, responsável também pelo espetáculo A Casa dos Homens contemplado pelo Programa de Ação Cultural Primeiras Obras do Estado de São Paulo - 2013/2014 - com temporada realizada na sede da Cia. Antropofágica, Espaço Pyndorama, também na zona oeste de São Paulo.

Valorizando o gênero feminino nos projetos de Engenharia e Exatas na FEBRACE

Entre os dias 17 e 19 de março de 2015 aconteceu a 13ª FEBRACE – Feira Brasileira de Ciências e Engenharia. Considerada uma das maiores feiras brasileiras para estudantes pré-universitários, a FEABRACE ocorre anualmente nas dependências da Escola Politécnica da USP.

Os projetos são avaliados por uma comissão julgadora e os/as autores/autoras dos melhores trabalhos ganham prêmios, sendo que nove projetos são selecionados para representar o Brasil na Feira Internacional de Ciências e Engenharia da Intel (Intel ISEF), que, em 2015, ocorre em Pittsburgh, Pennsylvania (EUA), de 10 a 15 de maio.

Com o objetivo de incentivar meninas e mulheres a se interessarem por ciências exatas, tecnologia e engenharia, o PoliGen instituiu dois prêmios na FEBRACE 13: Prêmio "Anna Frida Hoffman" e Prêmio "Marília Chaves Peixoto".

O Prêmio "Anna Frida Hoffman" foi atribuído para dois projetos na área de engenharia, um individual e outro em grupo. O nome do prêmio foi dado em homenagem à primeira mulher a se graduar na Escola Politécnica de São Paulo como engenheira química na turma de 1928 (leia mais sobre a história da Poli).

Já o Prêmio "Marília Chaves Peixoto" foi atribuído para dois projetos na área de exatas, um individual e outro em grupo. O nome do prêmio foi dado em homenagem à primeira mulher a ingressar na Academia Brasileira de Ciências no ano de 1951, devido a grande repercussão internacional de seus trabalhos em conjunto com o marido sobre funções convexas (leia mais sobre a história de Marília).

Páginas